Comunicados 20 FEV 2018 ÀS 02H26

Formação de concílios da OPBB

Re-condução ou condução ao Ministério Pastoral Brasileiro

Por OPBB-SP

Concílio de Recondução

Aqueles que já foram membros da Ordem e foram desligados. e /ou pediram desligamento, e desejam voltar.

A igreja deve votar em Assembleia o pedido para o Reingresso ou Concílio de Recondução.

Respeitando o período de 2 (dois) anos desligados da OPBB e sendo membro de uma Igreja Batista há mais de 2 (dois) anos.

Deve solicitar a Subsecção de sua região, através de carta junto com o histórico que motivou tal solicitação, informando também os motivos que levaram ao desligamento e se foram superados e resolvidos.

A Subsecção reunirá no mínimo 7 (sete) Pastores inscritos na OPBB-SP, com carteira válida (Diretoria e Comissão de Ética) para avaliarem a atual situação do Pastor, e dar parecer favorável ou não sendo aprovado pela Subsecção encaminhar a Seção

da OPBB-SP que após analise aprovará em Conselho o reingresso do mesmo.

O exame deve ser exclusivo nas áreas:

Ética pela Comissão de Ética

Quando foi desligado por questões Doutrinária deverá passar por um Concilio para ser examinado nas questões que o levou ao desligamento.

Deve-se apresentar também os atestados Criminal, SCPC e SERASA.

O melhor neste caso é que o Concílio seja restrito aos Pastores.

 

Concílio de Condução ao Ministério Batista Brasileiro

Para Pastores oriundos de outras denominações.

Antes da Assembleia de solicitação para formação do Concílio, deve-se observar os seguintes critérios:

*Ser membro de uma Igreja Batista filiada a CBB e CBESP, no mínimo 2 anos.

*Ter formação teológica em uma instituição reconhecida pela ABIBET.

*Ter sido consagrado em uma Igreja, e possuir documentos que provem o fato (Ata, carteira antiga e outros).

Os procedimentos seguirão o mesmo do Concílio de Exame com vista ao Ministério.

Todos os critérios devem ser seguidos.

A única. diferença é que não haverá culto de consagração, mas sim um culto de gratidão pela chegada de mais um obreiro a Ordem dos Pastores Batistas do Brasil.

Outros esclarecimentos, é só ligar para o nosso escritório da OPBB-SP na Convenção Batista do Estado de São Paulo - CBESP.

 

Procedimentos para Concílio de Exame com Vista ao Ministério Pastoral

A Igreja deve aprovar em Assembleia a formação do Concílio e enviar carta juntando todos os documentos a Subsecção sugerindo datas para que seja formado o Concílio, após a aprovação da Comissão de Filiação da Subsecção e a confirmação da data sugerida pela Igreja, a Subsecção informa a Igreja, que fará a Convocação aos Pastores da OPBB-SP informando a data e o local e horário do Concílio.

O candidato deve providenciar um trabalho monográfico de sua posição doutrinária (Favor Não copiar de livros e apostilas).

Deve ser enviado para a os pastores da Subsecção da região informando a data, horário e local do concílio, acompanhado do histórico eclesiástico do candidato e o seu trabalho monográfico. Deve-se observar o prazo de 90 dias do envio, à data do concílio.

No dia do Concílio de Exame, devem estar presentes no mínimo 7 (sete) Pastores inscritos na Ordem com carteira válida o primeiro passo é formar a mesa diretora e a banca dos examinadores, e ou examinador geral. O Presidente do Concílio é tradicionalmente o Pastor da Igreja, na impossibilidade, o Presidente, bem como o Secretário serão escolhidos entre os Pastores presentes.

O candidato deverá ser examinado nas seguintes áreas: Conversão e Chamado ao Ministério (Testemunho) - Teologia Geral – Ética, Eclesiologia e Visão Denominacional.

O candidato deve entregar a Igreja para juntar a carta de solicitação do Concilio junto a Subsecção os seguintes documentos para que sejam analisados pela Comissão de Filiação:

Atestado Criminal

Atestado do SCPC e SERASA

Atestado do Negativos dos Cartórios de Protestos

Declaração da Instituição Teológica, onde o mesmo se formou, atestando não existir nenhuma pendência com a mesma.

O Concílio pode definir em ser restrito aos Pastores, e/ou aberto a todos. O Concílio formado deve deliberar sobre esse assunto.

Ao final do exame os Pastores devem solicitar a retirado do candidato e dos assistentes, ou eles devem se dirigir a uma sala restrita para que possam dar o parecer individual e voto.

Pastores não filiados a OPBB podem assistir o Concílio, mas sem direito a voto.

Lembrado que não deve haver aprovação se mais de 20% dos pastores forem contrários.

Lembrando que é produtivo o Secretário encerrar Ata do Concílio Examinatório e no momento da Concilio de Consagração tenha uma outra Ata relatando o Culto de Consagração, onde constará a Diretoria do Concílio de Consagração, Orador Oficial,

Entrega da Bíblia e Oração Consagratória.

Será informado no final do Concílio dia, hora e local do culto de consagração, não deve ser no mesmo dia.

Qualquer dúvida é só entrar em contato conosco no escritório da OPBB-SP através dos telefones e e-mails abaixo:

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

(11) 3866.6710 / 3866.6718 / 97444.7103 / 2741.3610